Após título do Parazão, Paysandu volta a jogar pela Série C e encara o Jacuipense-BA. Só a vitória interessa

Jogo é válido pela quinta rodada da Série C

A maratona continua… Apenas três dias após a conquista do Campeonato Paraense de 2020, o Paysandu volta a concentrar as suas fichas na competição mais relevante do ano, que é a Série C do Campeonato Brasileiro. E o clube lida com dois compromissos fundamentais para apagar a má imagem deixada, até então, apoiada na atual oitava colocação no Brasileirão. O primeiro desafio  quarta-feira (09), a partir das 20h, no estádio da Curuzu, contra o Jacuipense-BA, pela quinta rodada do campeonato.

Sem euforia, o Papão evitou ampliar as comemorações pelo título e cancelou, por exemplo, o famoso churrasco após conquistas. Não há motivos para permanecer em festa. O clube lidará com uma espécie de terceira decisão em sequência – o Parazão foi definido em dois jogos. Nos bastidores alvicelestes, os jogos de hoje e de domingo (diante do Imperatriz-MA, também em Belém) são tidos como essenciais. Se somar seis pontos, é provável que o Paysandu integre o G4 e equilibre uma campanha, até então, irregular, para dizer o mínimo – são duas derrotas, uma vitória e um empate.

Há, no entanto, dúvidas com relação ao time titular que será escalado pelo treinador Hélio dos Anjos. Em entrevista exclusiva ao programa ‘Geral na Live’, de OLiberal.com, Hélio não quis precisar, mas relatou que uma sequência de problemas detectados pelo departamento de fisiologia. “Estou batendo cabeça para formar o time”, disse. Além disso, o clube não contará com o volante/zagueiro Caíque Oliveira, cujo contrato foi rescindido por opção do atleta.

A respeito do Jacuipense, ainda conforme Hélio dos Anjos, é preciso buscar a vitória a todo custo, embora ele saiba que o adversário será competitivo. “É uma equipe muito diferente daquela que enfrentou o Remo. Eles são técnicos, gostam de jogar com a bola”, frisou.

Ficha Técnica 

Paysandu – Gabriel Leite, Tony, Micael (Wesley Matos), Perema e Bruno Colaço; Anderson Uchôa, PH e Luiz Felipe; Mateus Anderson, Nicolas e Vinícius Leite. Treinador: Hélio dos Anjos

Jacuipense – Luan, Lucas, Matheus, Raylon e Radar; Banguelê, Raniele, Eudair e Danilo Rios; Rafael Bastos e Levi. Treinador: Jonilson Veloso

Local: Estádio Curuzu

Árbitro: Breno Vieira Souza (GO)

Horário: 20h

Assistentes: Adailton Fernando Menezes (GO) e Adriano Eterno de Jesus Mendes (GO)

Quarto árbitro: Gustavo Ramos Melo (PA)

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios