DestaqueNORDESTE PARAENSE

Carro-forte é alvo de criminosos na BR-010 em Ipixuna do Pará

Um carro-forte foi alvo de criminosos na tarde de segunda-feira (19) na rodovia BR-010, no município de Ipixuna do Pará, nordeste paraense.

O crime foi confirmado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), que está com uma equipe a caminho do local.

OUTROS CASOS

Essa não é a primeira vez que crimes aos carros-fortes são registrados nas rodovias do Estado. O caso mais recente noticiado pelo DOL aconteceu em agosto, também com a mesma empresa, quando um grupo criminoso explodiu o veículo reforçado na BR-316, próximo ao município de Bonito, nordeste paraense.

Em julho último, um grupo de criminosos também atuou na BR-010 e explodiu um carro-forte que seguia de Castanhal para Paragominas. Os suspeitos conseguiram interceptar o veículo. Houve troca de tiro entre os funcionários e os assaltantes, mas ninguém ficou ferido.

Já em maio, o ataque criminoso aconteceu próximo ao município de Rio Maria, no sudeste paraense, também da mesma empresa. O alvo se deslocava para o município de Ourilândia do Norte para levar um abastecimento quando foi atacado.

(DOL)

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios