CidadesCurionópolisDestaque

CURIONÓPOLIS: A farra do dinheiro público, vereador faz graves denúncias contra a Prefeitura Municipal. Veja o vídeo

O vereador Gildásio Mendes Borges (PSD) em Curionópolis, fez graves denúncias nas redes sociais contra a Prefeitura Municipal. Na denúncia, o vereador  relata que em Curionópolis a prefeitura alugou várias casas, sendo que essas casas estão de portas fechadas sem nada estar funcionando para a população. De acordo com o vereador, tudo por apoio político.

Segundo informações, o vereador já fez várias denúncias no Ministério Público do Estado, contra o Prefeito da cidade, Adonei Aguiar.  O prefeito já foi afastado de suas funções por improbidade administrativa, e administra a cidade através de uma liminar da justiça.

O Portal teve acesso ao documento que o vereador fez a denúncia, segundo informações, são mais de 40 casas alugadas no município para a prefeitura. Ele também relata que isso é bastante comum na administração de Adonei Aguiar.

O vereador informa em seu vídeo  sobre uma casa que estaria alugada para a prefeitura, na Av. Bahia  85, em Curionópolis, segundo o vereador, a proprietária da casa recebe dos cofres públicos, cerca de 33 mil reais, que no contrato,  a finalidade do aluguel seria para funcionar no endereço,  um posto de saúde. No vídeo, o vereador Gildásio afirma que no endereço citado nunca funcionou  posto de saúde.

O vereador afirma que várias denúncias já foram feitas no Ministério Público, e que a cidade vive um caos, principalmente na área da saúde.

O fato tomou uma grande repercussão na cidade, principalmente nas redes sociais.

Documento do contrato de pagamento do imóvel

A reportagem tentou  contato com a prefeitura municipal para esclarecimentos sobre os fatos, mas até o fechamento dessa matéria não conseguimos respostas.

Reportagem: Thiago Araújo

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios