DestaqueEsportesGeral

Diego se emociona ao comentar tragédia no Ninho do Urubu

Na manhã desta terça-feira, o meia Diego foi o primeiro representante do Flamengo a dar declarações oficiais desde a tragédia ocorrida no Ninho do Urubu, na última sexta-feira.

O jogador falou sobre a relação entre o elenco profissional e os garotos da base, e revelou ter um sobrinho que também joga nas divisões inferiores do Flamengo.

“Venho aqui em respeito a todos vocês e a todos envolvidos nessa situação. Serei o mais honesto e transparente possível, como sempre fui. Nosso relacionamento com esses garotos sempre foi excelente, acompanhamos tudo, fazem parte do dia a dia. Lembro da maioria deles que já pediu para tirar foto comigo. Tenho sobrinho que joga no sub-14 do Flamengo, então tinha amigos no alojamento. Podia estar ali também. Enfim, temos uma ligação e um respeito muito grande”, disse.

Diego se emocionou muito ao comentar sobre a visita que o elenco flamenguista fez a Cauan e Francisco Dyogo, garotos que se recuperam no hospital.

“Não temos resposta para tudo mas precisamos seguir de alguma forma para dignificar o que esses garotos viveram. E os que estão salvos. Temos que manter esse sonho vivo dentro desses garotos. Competir, ser feliz, viver o sonho de jogar no Maracanã. Eu estou vivendo esse sonho. Novos jovens virão. O Cauã fez fotos conosco, está se recuperando. Peguei o telefone dele, ele me mandou uma Foto minha comemorando o gol e disse que se inspirava em mim”, falou o meia, antes de cair no choro.

Agora, o Flamengo tem duelo contra o Fluminense, na quinta-feira, às 20h30, no Maracanã, pela semifinal da Taça Guanabara. Diego comentou sobre o clima para realizar a partida.

“Vamos carregar isso conosco, mas temos que encontrar força para que isso possa servir como inspiração, para nosso trabalho, quinta-feira tem jogo importante, precisamos estar prontos para vencer, até por esses garotos, que eles sirvam de inspiração para seguirmos em frente. É difícil, está sendo para todos os brasileiros, precisamos fazer aquilo que faziam, competir e honrar a camisa”, completou.

Fonte: Gazeta Esportiva

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios