Em Parauapebas, Ministério Público recomenda anulação de eleição que elegeu novos conselheiros tutelares

Por entender que houve irregularidades na eleição que elegeu os novos conselheiros tutelares de Parauapebas, o Ministério Público local recomendou que o processo seja suspenso. O MP recebeu denúncias de que irregularidades ocorreram na avaliação dos documentos apresentados por alguns candidatos. Tendo feita investigação, o órgão concluiu que as eleições realizadas em 6 de outubro deste ano devem ser canceladas.

Logo após a aplicação da prova, alguns candidatos entraram em contato com o MP solicitando averiguação de algumas questões do exame. No entanto, conforme explicou a promotoria, não é dever do MP analisar o conteúdo das provas aplicadas. De lá para cá, no entanto, mais denúncias chegaram ao órgão e novas investigações foram feitas.

A recomendação, no entanto, ainda passará pelo crivo da Justiça Eleitoral e só então será averiguado se o pleito será ou não anulado.

Fonte: Fala Sério Canaã

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios