FRAUDE: Prefeita do Acará é denunciada por desvio de mais de R$ 2 milhões

O Ministério Público do Estado do Pará pediu à Justiça o bloqueio de bens, além da quebra de sigilo fiscal e bancário da prefeita do município do Acará, Amanda Oliveira e Silva. Ela foi denunciada por improbidade administrativa.

Segundo a denúncia da promotoria, a prefeita, no início de sua gestão, firmou contrato com uma empresa especializada em realizar serviços de limpeza pública, dispensando licitação.

No documento, o Ministério Público pede que a prefeita e os demais envolvidos ressarçam o dano correspondente a mais de 2 milhões, sob a justificativa de “lesão ao patrimônio público ou ensejar enriquecimento ilícito”.

Das irregularidades constatadas, o MP destaca o pagamento da totalidade do contrato por parte da prefeitura, “antes mesmo do seu término”.

O Ministério Público pede ainda, a perda da função pública, a suspensão dos direitos políticos de 5 a 8 anos, além do pagamento de multa civil de até duas vezes o valor do dano.

DOL

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios