Jovem simula própria morte em Parauapebas e deixa cidade em pânico

Boatos que começaram a circular nas redes sociais, nesta segunda-feira (2), mostravam a cena do que seria um crime passional bárbaro: uma jovem teria amarrado, torturado e matado a namorada na cidade de Parauapebas, sudeste paraense, além de ter filmado a ação. No entanto, o tal crime, que chegou a ser noticiado na mídia local, não passou de uma brincadeira de mau gosto feita pelo casal.

De acordo com informações do portal Pebinha de Açúcar, a jovem Pollyana Araújo e a namorada dela, Thaynara Rodrigues, fizeram uma montagem das fotos e dos vídeos e compartilharam nas redes sociais.

Nas imagens, Pollyanna aparece amordaçada, e uma faca supostamente suja de sangue está ao lado do corpo.

Imagem da “brincadeira de mau gosto” feita por Pollyana. Foto: Reprodução

Em um texto deixado por Thaynara Rodrigues no status do WhatsApp, a jovem diz: “Eu nunca imaginei que chegaria a esse ponto…Peço desculpas à todos por este ato, mas ninguém mais além de mim própria entenderia o que vinha passando que para muitos não passa de ‘frescura’ a tal depressão. A dias esse plano não saia da minha cabeça, tanto quanto o de tirar a minha própria vida que já perdeu o sentido há um bom tempo, e a dela pobre (Pollyana) também claro, eu não poderia deixar de acabar com a vida de quem acabou com a minha vida hahahaha…. E olha só como as pessoas são surpreendentes logo nós o ‘casalzinho fofo, a meta que todos diziam ter’. Jamais acredite em felicidade em redes sociais, na vida real ninguém é feliz, na vida real não existe amor verdadeiro. Bom finalizo por aqui todo esse texto e deixando um recado também a aqueles que acha que não passa de uma brincadeira idiota, esperem nos documentários por aí para cair a fixa. Desculpa a todos por isso, eu sou um lixo. Deixo aqui as últimas palavras ‘ a vida é um lixo’, I HATE HUMANS (Eu odeio os humanos)”.

Após grande repercussão da notícia da suposta morte de Pollyanna Araújo, começaram a circular vários comentários nas redes sociais, sendo que muitas pessoas afirmavam que Pollyanna não estava morta.

A reportagem do portal Portal Pebinha de Açúcar conversou com uma irmã da jovem em Parauapebas e todos os familiares estavam apavorados, inclusive, chegaram a procurar a 20ª Seccional de Polícia Civil de Parauapebas.

Foi por volta das 14h30 desta segunda-feira (2) que uma irmã de Pollyanna garantiu que a jovem não estava morta. Segundo a familiar, Pollyana tinha feito uma chamada de vídeo, durante a tarde de hoje, afirmando que se tratava de uma brincadeira.

Áudios também já começam a circular nas redes sociais, onde Pollyanna diz: “Oi, estou viva, não tem como atender agora porque estou me sentindo importante, tem muita mensagem chegando, mas estou viva”, em outra mensagem ela disse: “Ou meu amor, desculpa, foi só uma trolagem, nunca viu trolagem de internet, não? Desculpa! Não é para odiar a gente”.

Segundo o portal Pebinha de Açúcar, Pollyanna e Thaynara Rodrigues não estão em Parauapebas. O delegado Gabriel Henrique, titular da Polícia Civil em Parauapebas afirmou que vai analisar o caso e possivelmente abrir procedimento.

DOL

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios