MAIS VIOLÊNCIA: Trio mata e estraçalha cabeça de homem em Parauapebas

Parauapebas voltou a ser palco de crime bárbaro no fim de semana. Otacílio de Sousa Brito foi morto a tiros e golpes de arma branca na região da cabeça.

O crime aconteceu por volta de 14h50 no último domingo, 19, no quintal da casa onde a vítima morava, na Rua Murici, Bairro Liberdade II. Segundo informações no local do crime, três homens encapuzados e armados invadiram a casa.

A vítima estava construindo um galinheiro e, ao ver os assassinos, correu para o quintal, onde foi alvejado com tiro. Os criminosos, então, utilizaram um facão ou machado para terminar de matá-lo, aplicando vários golpes na cabeça.

Otacílio Brito foi morto com tiro e golpes de arma branca na cabeça

Ele levou vários golpes na cabeça. Em cima de uma mesa da casa havia um facão e uma machado, mas nenhum deles tinha marca de sangue.

A polícia acredita que os assassinos levaram a arma branca utilizada no crime. O local onde a vítima morava fica próximo ao Rio Parauapebas e é de difícil acesso. A Polícia Civil e o Instituto Médico Legal (IML) seguiram a pé, por causa do difícil acesso ao local.

A esposa da vítima, que presenciou o crime, foi aconselhada por um investigador da Divisão de Homicídios a não falar com a imprensa sobre o caso. Na hora que os assassinos invadiram a casa, que é de madeira, ela estava deitada na cama. Após concluírem o ‘serviço’, os assassinos fugiram.

A Polícia Civil busca informações para tentar identificar os matadores e descobrir a motivação do crime bárbaro.

 (Tina Santos – com informações de Ronaldo Modesto)

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios