Manchas de óleo já atingem 88 municípios e 233 localidades no Nordeste

Oitenta e oito municípios e 233 localidades foram afetados pelas manchas de óleo no litoral da Região Nordeste, segundo boletim atualizado esta quarta-feira pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

A última atualização divulgada pelo instituto havia sido divulgada há quase uma semana, na sexta-feira, 19 de outubro. O boletim aponta o crescimento de áreas afetadas no estado da Bahia. A área mais ao sul onde houve registro foi a Praia de Arakakaí, no município de Santa Cruz Cabrália, que fica a cerca de 20 quilômetros de Porto Seguro. Segundo o boletim, o óleo não foi observado novamente em uma revisita.

O Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA), formado por Ibama, Marinha e Agência Nacional do Petróleo anunciou nesta terça-feira que mil toneladas de resíduos de óleo já foram recolhidas no litoral do Nordeste.

A Marinha dividirá a investigação sobre a origem do óleo em três frentes, com apurações sobre o tráfego de navios na altura da costa brasileira, o movimento das correntes marítimas e os aspectos químicos do óleo encontrado nas praias.

A Força considera que o vazamento de petróleo pode ter ocorrido mais próximo da costa, oscilando entre 270 e 600 km. Até então, as estimativas variavam entre 600 e 800 km. A informação já foi encaminhada para as outras frentes de apuração dentro da Marinha e pode impactar na delimitação de navios colocados como suspeitos de vazamento.

Fonte: Agência Brasil.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios