Papão começa a semana em preparação para a 27ª rodada da Segundona

Os deuses do futebol, mais uma vez, foram benevolentes com o Paysandu, com o time bicolor tendo feito, antes, a sua parte, ao vencer o Avaí-SC, na última sexta-feira (6), na Curuzu. Com o triunfo por 2 a 1, o Papão deixou a zona de rebaixamento, mas havia o risco de o time voltar à área de degola no desfecho da 26ª rodada da Série B do Brasileiro. Contudo, Brasil-RS e Juventude-RS, que ameaçavam recolocar os bicolores na zona, acabaram sendo derrotados por Londrina (1 a 0) e São Bento-SP (2 a 0), ocupando a 17ª e 18ª colocações, respectivamente, sem incomodar a equipe alviazul, que se manteve na 16ª posição.

Agora, o Papão, que soma 29 pontos, tem como missão derrotar o Boa Esporte-MG, vice lanterna da competição, com 24 pontos, em Varginha (MG), sábado (15), pela 27ª rodada do campeonato. Vencendo o adversário mineiro, a equipe bicolor chegará a 32 pontos, podendo assumir a 14ª colocação, desde que CRB-AL, 15º na classificação, ao menos empate com o Brasil, fora de casa, e o Criciúma-SC, 14º colocado, seja derrotado pelo Avaí-SC. Os bicolores, no entanto, estão mais preocupados em fazer, primeiro, a parte deles e, só depois, pensar nos demais resultados que interessam ao time.

Embora o Boa seja uma espécie de “saco de pancadas” desde o início da competição, tendo um pífio aproveitamento de apenas 18%, o técnico João Brigatti não avalia o próximo adversário bicolor como um “cachorro morto”. “É uma equipe extremamente difícil, que venceu o Goiás-GO. Vai ser um jogo extremamente difícil, no qual precisamos ter a mesma mobilização que tivemos (contra o Avaí)”, alertou Brigatti.

O técnico já antecipou que pretende mexer na estrutura tática de sua equipe, montando outra sistemática de jogo para a partida de sábado. Mas, ele só começa a trabalhar neste sentido a partir da reapresentação do elenco, que acontece hoje, após a folga do final de semana. “Quando a vitória vem, tudo começa a clarear”, comentou o técnico, que elogiou a disposição de seus comandados na partida da última sexta-feira, cujo resultado acabou com o jejum de sete jogos sem vitória da equipe. “Os jogadores foram, todos eles, guerreiros em campo”, avaliou.

Vitória não anula necessidade de mudanças

A vitória do Paysandu diante do Avaí-SC não fechou os olhos do técnico João Brigatti para a necessidade de ajustes que sua equipe precisa sofrer para os próximos jogos da Série B do Brasileiro. O treinador espera agora, com muito mais tempo, já que o próximo jogo só será no aábado (15), contra o Boa Esporte, fazer as correções necessárias no grupo.

“Tem muita situação para ser corrigida. Em meio período de treinamento você não consegue”, lembrou o técnico. Brigatti assumiu o comando bicolor na quinta-feira passada, comandando, portanto, apenas um treinamento para o confronto com o Avaí. “O campeonato, para mim, com esse elenco, começa na segunda-feira (hoje). Aí sim, a gente vai ver”, disse.

“Têm vários jogadores que ficaram de fora que têm condições de vir a ser titulares. Então, nós temos um elenco em que a gente vai trabalhar bastante para ser cada vez mais forte”, salientou o comandante do Papão. “Só vencemos uma partida, extremamente difícil, mas restam mais doze”, salientou.

“Falei para eles nos vestiários: ‘não aceito outra situação que não seja esse tipo de pegada. Tem que ralar a bunda no chão’. Foi isso que aconteceu (diante do Avaí)”, disse o treinador. “Conseguimos uma vitória muito importante, que resgata a tradição desse clube”, avaliou.

Fonte: Nildo lima

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios