Paysandu precisa superar próprio recorde para se salvar do rebaixamento

Papão precisa somar 14 pontos em sete jogos para não cair, mas o máximo que conseguiu foi apenas 11 pontos

O Paysandu tem uma semana decisiva para começar uma reação que o livre do rebaixamento. Ao enfrentar o Fortaleza neste sábado (20), o Papão vai precisar conquistar algo ainda inédito desde que a Série B passou a ser de pontos corridos: somar 14 pontos nas sete últimas rodadas da competição.

No final do treino da manhã de hoje, o técnico João Brigatti chamou os jogadores para ter uma conversa “olho no olho” no gramado da Curuzu e destacou que é possível. Aliás, ele disse que não há outro resultado para o clube que não seja a vitória diante do Fortaleza.

A Série B tem o formato de pontos corridos há 12 anos e, destes, o Papão participou de cinco (2013, 2015, 2016, 2017 e 2018). Atualmente, o Papão é 18º colocado com 32 pontos. A pontuação almejada para não jogar a Série C em 2019 é de 46 pontos. Para somar os 14 pontos que precisa, o Paysandu precisa vencer três jogos e empatar dois.

Em 2013, por exemplo, quando voltou para a Série C, o Papão somou apenas oito nas sete rodadas finais. Coincidência, o Paysandu também tinha 32 pontos faltando sete jogos para o fim da competição. Naquele ano, o Papão somou apenas 40 pontos, terminou na 18ª posição e caiu.

Foto: Arquivo O Liberal

Já em 2015, na melhor campanha do Paysandu na Série B, o Papão estava com 49 pontos e ao final chegou aos 60 pontos. A somatória foi de apenas 11 pontos nas últimas sete rodadas, o que fez o Papão terminar a competição na 7ª colocação.

Em 2016, o Paysandu estava com 39 pontos somados e, até o fim da competição, chegou aos 49 pontos, somando 10 e terminando na 14ª posição.

Para completar o levantamento, tem 2017. Ano passado, o Papão estava com 38 pontos ao fim da 31ª rodada. Nas últimas sete partidas, o Papão conseguiu somar apenas 10 pontos e chegou aos 48 pontos. A somatória ajudou o Papão a terminar na 11ª posição.

Foto: Akira Onuma / O Liberal

Tirando 2013, em todas as outras situações, o Paysandu conseguiu se livrar do rebaixamento. Contra o Fortaleza, o Bicola vai precisar escrever uma nova história para não cair de novo para a Série C. Caso contrário, o que ocorreu em 2013 vai se repetir.

Fonte: ORM

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios