Polícia Civil realiza operação para cumprir mandados de prisão em todo Estado

A Polícia Civil do Pará realizou, na nesta terça-feira, 8, a operação “Tipiti”, em Belém, região metropolitana e interior do Estado. A operação tem o objetivo em dar cumprimento à mandados de prisão decretados pela Justiça contra pessoas que respondem pela autoria de crimes diversos, como furto, roubo e tráfico de drogas.

A operação mobilizou mais de 30 equipes de policiais civis das Delegacias, Seccionais, Unidades Integradas e de Divisões Especializadas da Polícia Civil. 458 policiais civis atuaram em todo o Estado.

Os presos serão conduzidos para as delegacias policiais, caso haja prisão em flagrante.

OPERAÇÃO TIPITI

O nome da operação (Tipiti) é uma alusão a um tipo espremedor feito de palha trançada muito usado no Pará para escorrer e secar raízes de mandioca, planta usada na extração do tucupi, ingrediente fundamental usado no preparo de alguns dos principais pratos da culinária paraense. É uma alusão também ao Círio de Nazaré, como forma de resguardar a segurança pública às vésperas das festividades em homenagem à padroeira do povo paraense.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios