PRF prende oito acusados de milícia na zona rural de Marabá

Os homens foram presos na região Lago dos Macacos pelos crimes de constituição de milícia, ameaça e porte ilegal de arma de fogo.

Oito pessoas foram presas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), depois que a Procuradoria Geral da República (PGR) em Marabá solicitou apoio, motivada por uma denúncia de que na comunidade ribeirinha conhecida como “Lago dos Macacos”, próximo ao Rio Tocantins, pouco abaixo da Praia do Tucunaré, havia pessoas armadas que estavam em uma área de assentamento de pescadores, ameaçando os moradores e os expulsando do local.

Momento da chegada da equipe da PRF à comunidade Lago dos Macacos

Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal foi enviada e lá flagrou oito homens armados com quatro revólveres e quatro espingardas calibre 12. Com eles também foram encontradas ao todo 52 munições intactas, sendo 28 de calibre 12 e outras 24 de calibre 38.

A ação da PRF foi realizada na tarde da última terça-feira (24), e as armas e munições apreendidas, bem como os oito homens presos foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Federal em Marabá para as medidas legais cabíveis.

Barracão onde foram encontrados os acusados de praticar milícia armada

O grupo é acusado de ocupar terras pertencentes à União, agindo por meio de milícia armada e ameaça aos moradores locais.

Correio de Carajás (Fabiane Barbosa, com informações da Agência PRF)

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios