Quase cinco toneladas de maconha são apreendidas pela PRF no Paraná

A maior apreensão de maconha este ano, no Paraná, foi feita pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), em Céu Azul, na região oeste do estado, no último domingo, 8. Mais de 4,6 toneladas da erva estavam escondidas em um caminhão-tanque, abordado pelos policiais na BR-277.

O motorista, de 46 anos de idade, e o passageiro, de 21 anos, ambos de nacionalidade paraguaia, foram presos em flagrante e disseram que estavam levando a maconha para a cidade de Cascavel também no Paraná.

Até então, a maior apreensão no estado em 2019 havia sido feita em Alto Paraíso, no último dia 13 de junho, quando 1,8 tonelada foi descoberta, em um ônibus escolar. Ao fazer uma verificação minuciosa do veículo, que informava transportar óleo vegetal, os policiais encontraram a maconha.

Para acessar o compartimento onde a droga estava escondida, os policiais tiveram a ajuda de uma equipe do Corpo de Bombeiros, pois foi preciso usar um equipamento para cortar as chapas de aço do tanque. A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Federal em Foz do Iguaçu.

Fonte: Agência Brasil.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios