Saúde pública vai de mal a pior em Parauapebas

O atendimento na saúde pública em Parauapebas, está cada vez mais precário, foi o que constatou os pacientes denunciando a falta de médicos e a demora nos atendimentos  na saúde pública do município. O Secretário Municipal de Saúde Gilberto Laranjeiras, de acordo com relatos, até agora  não deu conta do recado.

Com um orçamento Milionário para a saúde, o secretário parece que não está satisfeito, e de acordo com informações, o mesmo foi buscar mais recursos estaduais e federais para aumentar o orçamento da saúde.  “Há uma falta de compromisso e de manutenções preventiva e corretiva nas unidades visitadas”, afirma Maria da Silva, paciente que denunciou o péssimo atendimento do Hospital Municipal de Parauapebas para nossa equipe de reportagem. O HGP também sofre com problemas nas estruturas do prédio, o portal já denunciou a falta de compromisso do poder público com a saúde em Parauapebas.

Arquivo Portal do Carajás: Pacientes são atendidos no corredor do Hospital Municipal de Parauapebas

Na UPA, por exemplo, no bairro Cidade Jardim, foi constatado que é feito atendimento de urgência e emergência. Porém, deveria atender apenas os casos de alta e média complexidade. “Na UPA acabam atendendo a todos os casos, por causa da superlotação das outras unidades de saúde”, diz Francisco da Silva, paciente.

O ex-secretário de Saúde do Município  José das Dores Couto, o Coutinho (MDB), que voltou para a Câmara Municipal de Parauapebas, passou por muitos escândalos em sua gestão, a população denunciou várias irregularidades gravando vídeos para as redes sociais. De acordo com informações, a população ainda não tem  certeza que a saúde pública possa melhorar em Parauapebas, e assim a comunidade pede socorro.

As necessidades apresentadas por uma profissional que não quis se identificar para nossa equipe de reportagem, afirmou que são desde a falta de UTIs, leitos, vagas, estruturas físicas, medicamentos. “Falta de tudo. E a culpa não é dos médicos, porque a estrutura de saúde não depende do médico. Cabe ao CRM solicitar junto ao Ministério Público para solucionar a questão”, resumiu.

O Portal do Carajás não conseguiu contato com o Secretário de Saúde de Parauapebas, para falar sobre às denúncias.

Fonte: Direto da Redação do Portal do Carajás

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios